sábado, 21 de julho de 2012

Poema: Platônico

                                                             
     Platônico
 
A tua presença
me faz tanta falta
não entendo
como as coisas ficaram assim
Porque tive que aprender
da pior maneira
porque as coisas
não foram diferentes
Não sei mais
se você é real
ou apenas uma ilusão
Uma ilusão
que minha mente usa
como refugio
ou talvez uma máscara
cobrindo meus medos
e desejos
Uma forma
mais fácil
de culpar a vida
por minhas besteiras
Real
ou ilusão
não sei
mas sei
que foi forte demais
para virar meu mundo
de ponta cabeça
algo irreversível
Me sinto culpado
pelo passado
mas preciso me libertar
Pois como irei escrever
meu futuro
se estou preso no passado?

Nenhum comentário:

Postar um comentário